Cinema

Marlon Brando (1924-2004) em O Selvagem (The Wild One, 1953). Carismático e único. Para muitos, o maior ator do século 20. Depois de sua inigualável atuação em O Poderoso Chefão (The Godfather, 1972), desinteressou-se pelo Cinema e passou a trabalhar apenas para pagar as contas. Fez ainda três célebres atuações, em o Último Tango em Paris (1972), Superman (1978) e Apocalypse Now (1979), mas sua alma não estava mais lá.

 

 

Elizabeth Taylor, aos 19 anos, e Montgomery Clift em cena do filme Um Lugar ao Sol, dirigido por George Stevens (1951).

Elizabeth Rosemond Taylor nasceu em Londres, em 27 de fevereiro de 1932. Seus pais eram estadunidenses. Iniciou sua carreira de atriz em 1942, aos 10 anos de idade. Posteriormente fez vários filmes de sucesso, como Assim Caminha a Humanidade (1956) e Cleópatra (1963). Ganhou dois prêmios Oscar e é considerada por muitos como uma das mais belas atrizes de todos os tempos. Faleceu em 2011.

 

O celebrado cineasta alagoano Cacá Diegues.

Carlos Diegues nasceu em Maceió, Alagoas, em 19 de maio de 1940. Estudou Direito na Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro. Fez seus  primeiros longas-metragens nos anos '60. Hoje, com uma vasta filmografia, tornou-se uma das principais referências do cinema nacional.

Mais: Cinema no Brasil

 

Notícias de Cinema

Cinema no Mundo

Festivais de Cinema

Melhores Filmes

Televisão

Vídeo

 

A bela Brigid Bazlen (1944–1989), como Salomé em Reis dos Reis (1961).

 

 

Marlon Brando

 

Vadinho
Atriz

 

James Dean e Natalie Wood em cena do filme Juventude Transviada (Rebel Without a Cause, 1955). O segundo dos três filmes que o ator estrelou antes de sua morte trágica. Transformou-se em ícone da juventude e popularizou o termo "rebelde sem causa".

 

O ator cearense José Wilker (1944-2014), no Pelourinho, em seu inesquecível papel de Vadinho, no filme Dona Flor e Seus Dois Maridos (1976), com base na obra de Jorge Amado.

José Wilker nasceu em Juazeiro do Norte, no Ceará, em 20 de agosto de 1944. Seguiu para Recife aos 13 anos, onde iniciou sua carreira como radialista. Mudou-se para o Rio de Janeiro em 1967, onde trabalhou como ator, diretor, produtor e escritor.

 

James Dean

 

Donald Bahia

 

Greta Garbo (1905-1990). A bela atriz sueca foi uma das grandes personalidades do cinema nos anos 30. Apesar de jamais ter ganho um Oscar, Garbo é hoje considerada uma das melhores atrizes da primeira metade do século 20.

 

Greta Garbo

 

Teatro

 

 

Artista

 

Em 1944, Walt Disney enviou Donald a Bahia, em seu clássico Você já Foi à Bahia?. Aurora Miranda, irmã de Carmem Miranda, canta Os Quindins de Iaiá, de Ary Barroso.

 

Elizabeth Taylor

 

Busca Temática

 

Cinema

 

 

Carmem Miranda (1909-1955) tornou-se um ícone internacional divulgando o Samba e outros temas da cultura brasileira. Nasceu em Portugal  e chegou no Brasil com menos de um ano de idade. Conquistou os EUA nos anos '30 e os estadunidenses jamais esqueceram-se dela.

Cantou músicas inesquecíveis de grandes compositores da época, como Ary Barroso e principalmente do sambista baiano Assis Valente, do qual gravou 24 composições.

De acordo com Ruy Castro, sua indumentária característica e seus trejeitos foram influenciados por Dorival Caymmi, que a orientou para as filmagens de Banana da Terra (1938), quando cantou O Que É Que a Baiana Tem?

Curiosidade: Carmem tinha cabelos longos e belos, mas costumava cobri-los com torços ou lenços.

 

Cineasta

 

Busca Temática

 

Copyright © Guia Geográfico - Busca Temática, Cinema e atores.

 

Audrey Hepburn (1929-1993). Atriz holandesa de simpatia infinita e beleza singular. Estreou em Hollywood com o filme "A Princesa e o Plebeu" (Roman Holiday, 1953), quando ganhou o Oscar de melhor atriz. No total foram 31 filmes de alta qualidade, sendo Always (Steven Spielberg, 1989), o seu último.

 

Atores e Filmes

 

 

 

 

 

 

 

Cinema

 

 

 

 

Divulgação